fbpx

Hospital de Amor e Azul Linhas Aéreas: uma parceria de sucesso

Quem se cuida, voa mais longe - Azul Linhas Aéreas e Hospital de Amor

Uma importante parceria entre o Hospital de Amor e a Azul Linhas Aéreas tem beneficiado de maneira muito significativa mulheres atendidas pelas unidades de prevenção do hospital espalhadas pelo Brasil. A Azul tem o “Outubro Rosa” – mês de conscientização sobre a importância do diagnóstico precoce do câncer de mama –  como sua maior causa social e, há 9 anos, trabalha em ações relacionadas à prevenção e à detecção precoce da doença. Desde 2017, a empresa passou a desenvolver projetos que contribuem com o trabalho de qualidade e humanização que é desenvolvido pelo Hospital de Amor.

A 2ª edição da premiação do concurso de cartas “Próximo Destino: a Vitória” ocorreu no último 18/10, em Barretos (SP).

As iniciativas, que vão desde o “Conexão Azul Rosa” – que já proporcionou com que mais de 90 mulheres diagnosticadas com câncer de mama, vindas das diversas regiões do Brasil, tivessem a oportunidade de chegar a um centro especializado de tratamento com o conforto e a agilidade que uma viagem de avião podem oferecer; passando pela coleção “Outubro Rosa” da Azul Collection – que é a linha de produtos oficiais da Azul – que também beneficia a instituição; até o concurso de cartas “Próximo Destino: a Vitória” – uma ação ligada à unidade de negócios da Azul (Azul Viagens),  que oferece uma viagem incrível para pacientes com um acompanhante.

Para a coordenadora de responsabilidade social da companhia aérea, Ivana Nascimento, a parceria entre a Azul e o HA tem trazido resultados muito satisfatórios e tende a se expandir cada vez mais. “Nós sabemos o quanto essas iniciativas têm rendido bons frutos e esperamos que elas durem por muito mais tempo. O impacto social que elas trazem é muito grande e positivo”, afirmou.

“Nosso instituto conta com várias iniciativas que visam integrar cultura, saúde e ciência, em busca de trazer à sociedade uma abordagem da temática do câncer  que pode ser pensada a partir de atividades lúdicas que vão além do universo da doença, a partir de vivências e linguagens que estimulam a humanização dos processos de prevenção, tratamento e cura, e isso se alinha perfeitamente ao que a Azul quer proporcionar a essas pacientes”, explicou a coordenadora de projetos do Instituto Sociocultural do Hospital de Amor, Marcella Marchioreto.

Eliane da Silva e Sirlei David foram as vencedoras da edição 2019 do concurso de cartas.

Premiando histórias inspiradoras
Na última sexta-feira, 18 de outubro, aconteceu a segunda edição da premiação do concurso de cartas “Próximo Destino: a Vitória”, que é realizado numa parceria entre a Azul Viagens e o Instituto Sociocultural do Hospital de Amor. Na cerimônia, duas pacientes – Eliane Rodrigues da Silva e Sirlei Mantovani David – foram contempladas com uma viagem com acompanhante para o Nordeste (podendo optar entre os destinos de Fortaleza/CE e Natal/RN), com tudo pago. Para Sirlei, que vai levar o filho como acompanhante, a conquista foi algo que veio na hora certa. “Eu acho que já estava escrito por Deus, pois, eu sempre sonhei em conhecer uma praia do Nordeste. Meu filho não conhece a praia, e eu sempre quis dar uma viagem para ele”. Eliana já sabe exatamente quem será sua companheira de viagens: a irmã, Erodite. “Ela é mais do que uma irmã. Sempre esteve do meu lado nas lutas, e agora não vai ser diferente”, relatou.

Em seu primeiro ano, o concurso premiou outros duas pacientes que lutaram contra o câncer de mama. Uma dessas mulheres, Luzia Silva, também participou da cerimônia de 2019 e contou sua experiência. O encontro reuniu ainda representantes da Azul, profissionais que atuam no voluntariado da empresa e colaboradores do HA.

Você pode conferir as cartas das duas pacientes ganhadoras deste ano, clicando aqui.

Um voo Azul Rosa
Outra convidada especial abrilhantou ainda mais o evento de celebração dessa parceria de sucesso. A sul-mato-grossense, Zaira Leite, uma das mais de 90 mulheres beneficiadas com o projeto “Conexão Azul Rosa”, trouxe seu relato de esperança, reforçando o impacto dessas ações na vida das pacientes do hospital. “Essa viagem de avião deixou meu tratamento mais leve. É muito difícil lutar contra o câncer e essa, sem dúvida, foi uma aventura que transformou completamente meu tratamento, de uma maneira muito positiva”, declarou.

Uma coleção que salva vidas
Apoiar a causa do “Outubro Rosa” é muito mais fácil com a Azul Collection. A linha de produtos inclui camisetas, chaveiros, copos, bloco de notas, meias e muito mais. Para adquirir os itens solidários, basta clicar no banner abaixo ou acessar o link: www.azulcollection.com.br/outubro-rosa.

 

 

A ação foi realizada por uma tripulação composta por 3 comissárias e um piloto, integrantes do projeto de voluntariado da Azul.

Senhoras e senhores, com destino ao relato de uma tarde muito especial, prendam seus cintos e embarquem nessa aventura com a gente! Em parceria com a Azul Linhas Aéreas, o Instituto Sociocultural do Hospital de Amor realizou uma ação diferente e muito divertida, alegrando os pequenos pacientes da unidade infantojuvenil da instituição. O check-in das atividades ocorreu na tarde desta segunda-feira, 13 de maio, e foi realizado por uma tripulação composta por 3 comissárias e um piloto, integrantes do projeto de voluntariado da Azul.

Diego Cunha é piloto há 8 anos e contou várias de suas histórias de viagem para a criançada.

Assim que todos embarcaram na brinquedoteca da unidade infantojuvenil, a responsável pela oficina de leitura do projeto “Arte para a Vida”, desenvolvida pelo Instituto Sociocultural do Hospital de Amor, Isabel Ribeiro, deu início às atividades. Para a profissional, ações como essa são de fundamental importância para a humanização do tratamento dos pacientes. “Esse tipo de interação ajuda as crianças a desenvolverem mais desinibição, descontração e segurança na comunicação delas, além de aproximá-las ainda mais umas das outras”. Ao som de canções que mencionam de forma criativa temas como viagens e aviação, todos se animaram e entraram a bordo de um dia cheio de imaginação.

Os pacientes e acompanhantes participaram de uma segunda dinâmica, também estimulada pela equipe da Azul, onde se apresentaram de uma maneira inusitada e descontraída à tripulação, compartilhando o destino para onde sonhavam viajar. Para dar mais asas à imaginação, eles puderam utilizar um adereço que arrancou suspiros e muitos cliques: o precioso quepe do comandante. O momento foi muito especial e arrancou vários sorrisos.

A comissária Amanda Almeida em visita aos pacientes do centro infusional.

Roteiro da viagem
De acordo com a comissária e porta-voz da tripulação, Amanda Almeida, a realização da atividade foi pensada a partir de um desejo dos pacientes de saber mais sobre o trabalho dos comissários e dos pilotos. Ela conta que realizar o evento foi algo que trouxe grande alegria a todos. “A nossa equipe está muito feliz de poder conhecer o Hospital de Amor. Estar aqui pessoalmente é ainda mais impactante do que a gente imaginava”, afirmou a voluntária, que ficou muito feliz com a reação das crianças, já que foi a primeira visita do grupo a Barretos (SP).

Comissária há quase 9 anos, Amanda fez questão de falar uma pouco mais sobre as ações da companhia. “A Azul tem um programa de voluntariado que faz parte da área de responsabilidade social da empresa. Ele é dividido por setores. Eu sou a representante do grupo de comissários, então todos nós fazemos parte deste grupo específico. Ficamos sabendo que havia um desejo por parte das crianças de conhecerem pilotos e comissários. Como a Azul já tem esse programa interno de voluntariado e uma grande parceria com o Hospital de Amor, amamos quando fomos convocados para essa missão”, disse.

Quase no fim do percurso, os tripulantes e os pacientes participaram de um momento de pintura de mapas mundi, que contou com a entrega dos famosos e deliciosos aviõezinhos da Azul. Para finalizar a visita, houve uma escala no centro infusional do ambulatório, onde os voluntários puderam conhecer e bater um papo com os pacientes que estavam realizando quimioterapia. Esperamos que tenham apreciado a viagem!

A tripulação e os pacientes ficaram muito contentes com a realização da iniciativa.
Participantes do evento “Amigos pela Vida” junto dos colaboradores do Hospital de Amor.

Apresentando um novo nome e formato, o Hospital de Amor realizou mais um evento de prestação de contas, desta vez, referente ao ano de 2017. O “Amigos pela Vida” aconteceu na última segunda-feira, dia 3 de setembro, e reuniu representantes de empresas parceiras da instituição e de companhias que possuem projetos para futuras colaborações, com o objetivo de fidelizar as entidades e mostrar a transparência no trabalho desenvolvido pelo Hospital.

Realizado no IRCAD América Latina, em Barretos (SP), e diferente dos eventos realizados em anos anteriores, o encontro trouxe uma experiência inesquecível aos participantes! Após as boas-vindas, eles se dividiram em grupos para visitar o Hospital São Judas Tadeu (a unidade de cuidados paliativos e de atenção do idoso do HA), o Hospital de Amor Infantojuvenil e o Instituto de Ensino e Pesquisa. Durante o almoço, eles puderam conhecer os projetos de captação de recursos, discutir as ações e interagir com os profissionais da instituição.

A idealizadora do “Evento Degustar”, Márcia Costa, recebe prêmio da paciente Larissa.

Na emocionante cerimônia, algumas empresas foram premiadas em quatro categorias relacionadas a várias frentes de atuação.

1º prêmio – categoria “Parceria mais longeva e pioneira”: Evento Degustar;
2º prêmio – categoria “Projeto inovador”: Azul Linhas Aéreas;
3º prêmio – categoria “Projeto de grande impacto”: Marfrig;
4º prêmio – categoria “Consultoria de maior destaque”: Abrace Uma Causa.

Para o diretor de responsabilidade social do Hospital de Amor, Henrique Moraes Prata, a intenção de transformar o evento em algo que ultrapassasse os limites do “prestar contas”, é fazer com que os doadores se reconheçam como parte dessa grande obra social, que possuí inúmeros desafios a serem superados todos os dias, e abracem essa causa para ajudar a vencer as dificuldades. “Queríamos que eles olhassem a instituição não apenas como doadores, mas que sentissem na pele que a motivação de todos os profissionais do HA é levar humanização, acolhimento e dignidade ao tratamento dos pacientes”.

De acordo com o presidente do Hospital de Amor, Henrique Prata, a instituição só consegue manter suas portas abertas, oferecendo o melhor, mais moderno e humanizado atendimento aos milhares de pacientes, graças ao grande apoio empresarial. “Nós, do Hospital de Amor, somos iguais a todos os outros grandes centros, porém, diferente deles, nós não temos recursos (apesar de nos igualarmos na renúncia fiscal). E como nós estamos sobrevivendo? Graças à importante contribuição de empresas que amam fazer o bem, assim como o HA. A nossa transparência é o que os motiva a abraçar essa causa”, afirmou.

Ao final de seu discurso, Prata se mostrou orgulhoso com as parcerias e enalteceu a atitude dos participantes. “Nossa intenção com esse evento é que vocês se sintam orgulhosos de ajudar o Hospital de Amor. Invistam no que puderem, pois nós estaremos fazendo a diferença na vida das pessoas, independentemente de qualquer custo. Agradeço, imensamente, e peço a Deus que continue protegendo vocês!”, finalizou.

Ação do projeto “Bibliotecar”, desenvolvido pelo Instituto Sociocultural do HA.

Projetos de incentivos fiscais
O envolvimento de pessoas físicas e jurídicas através das renúncias fiscais incentiva diversos projetos do HA. Conheça alguns deles:
– Projeto de Amparo ao Idoso: centenas de milhares de pacientes com mais de 60 anos foram beneficiados com os recursos dessa lei. O Hospital São Judas Tadeu atende os pacientes que são encaminhados do Centro de Intercorrência, Centro Clínico – Cirúrgico e Médico, Radioterapia, Quimioterapia e Ambulatório do próprio Hospital de Amor. É composto por 50 leitos, exclusivos para cuidados paliativos, onde são atendidos 120 pacientes internados por mês.

– Projeto Cuidar: tem o intuito de arcar com o custeio para o tratamento, prevenção e pesquisa do câncer infantojuvenil. Em 2017, foram atendidos 27.610 pacientes pediátricos, vindos de todos os estados do país.

Há também várias outras iniciativas socioculturais apoiadas nesse contexto, que integram cultura, saúde e ciência, visando proporcionar momentos de entretenimento. São elas: Biblioteca Ambulante, Coral Acordes Vocais, Concerto da Esperança, Espetáculo de dança “A Bela e a Fera”, Espetáculo “O Mundo Encantado de Mila”, Arte para a Vida, Projeto Palhaços da Alegria e Bibliotecar.

Gerente de de comunicação, cultura e responsabilidade social da Azul, Carolina Constantino, durante cerimônia do evento.

Parceria de sucesso
Uma das grandes parceiras do Hospital de Amor é a Azul Linhas Aéreas. Há 2 anos contribuindo com a instituição, a empresa leva prevenção a mulheres da diagnosticadas com câncer de mama através do projeto “Conexão Azul Rosa”.

Entre outubro do ano passado e setembro de 2018, a parceria entre a companhia e o hospital tornou menos cansativo o tratamento de 30 mulheres da região de Petrolina, em Pernambuco, e de Juazeiro, na Bahia. Após o sucesso dessa 1ª etapa, a Azul anunciou uma novidade durante o evento “Amigos pela Vida”: o número de pacientes beneficiadas e de cidades atendidas pelo projeto será ampliado, e a empresa também apoiará a capacitação de técnicas em mamografia, transporte de cargas do hospital e eventuais mutirões de cirurgia.

“É com muita alegria e orgulho que a Azul Linhas Aéreas anuncia, em primeira mão, que a fatigante caminhada ao longo do tratamento do câncer de mama se tornará mais leve, menos dolorosa e mais digna para 60 mulheres diagnosticadas com a doença em Nova Andradina (MS), Campo Grande (MS), Juazeiro (BA), Lagarto (SE), Porto Velho (RO), Macapá (AM) e Ji-Paraná (RO) – cidades que contam com unidades fixas de prevenção do HA. São milhares de novos casos de câncer na mama, e a primeira etapa do Conexão Azul Rosa nos mostrou a força e o impacto de nossa atuação social em Juazeiro e Petrolina. Por isso, decidimos dobrar o número de mulheres e ampliar as cidades atendidas pelas unidades fixas dos Hospital, sinalizando que a causa abraçada no Outubro Rosa é trabalhada ao longo de todo o ano aqui na Azul. Cada vez mais temos percebido o poder que a aviação tem, promovendo mais dignidade àquelas que enfrentam esse momento delicado em suas vidas”, ressaltou a gerente de comunicação, cultura e responsabilidade da Azul, Carolina Constantino.

O evento de prestação de contas é realizado anualmente. Se você é doador do Hospital de Amor, empresário ou tem interesse em saber mais sobre a instituição, basta encaminhar um e-mail para escritoriosp@hcancerbarretos.com.br, ou acesse: www.hospitaldeamor.com.br.


Publicado em 07 de set de 2018   |   Artigos, Destaques, Institucional, Captação de Recursos
Quem se cuida, voa mais longe - Azul Linhas Aéreas e Hospital de Amor

Uma importante parceria entre o Hospital de Amor e a Azul Linhas Aéreas tem beneficiado de maneira muito significativa mulheres atendidas pelas unidades de prevenção do hospital espalhadas pelo Brasil. A Azul tem o “Outubro Rosa” – mês de conscientização sobre a importância do diagnóstico precoce do câncer de mama –  como sua maior causa social e, há 9 anos, trabalha em ações relacionadas à prevenção e à detecção precoce da doença. Desde 2017, a empresa passou a desenvolver projetos que contribuem com o trabalho de qualidade e humanização que é desenvolvido pelo Hospital de Amor.

A 2ª edição da premiação do concurso de cartas “Próximo Destino: a Vitória” ocorreu no último 18/10, em Barretos (SP).

As iniciativas, que vão desde o “Conexão Azul Rosa” – que já proporcionou com que mais de 90 mulheres diagnosticadas com câncer de mama, vindas das diversas regiões do Brasil, tivessem a oportunidade de chegar a um centro especializado de tratamento com o conforto e a agilidade que uma viagem de avião podem oferecer; passando pela coleção “Outubro Rosa” da Azul Collection – que é a linha de produtos oficiais da Azul – que também beneficia a instituição; até o concurso de cartas “Próximo Destino: a Vitória” – uma ação ligada à unidade de negócios da Azul (Azul Viagens),  que oferece uma viagem incrível para pacientes com um acompanhante.

Para a coordenadora de responsabilidade social da companhia aérea, Ivana Nascimento, a parceria entre a Azul e o HA tem trazido resultados muito satisfatórios e tende a se expandir cada vez mais. “Nós sabemos o quanto essas iniciativas têm rendido bons frutos e esperamos que elas durem por muito mais tempo. O impacto social que elas trazem é muito grande e positivo”, afirmou.

“Nosso instituto conta com várias iniciativas que visam integrar cultura, saúde e ciência, em busca de trazer à sociedade uma abordagem da temática do câncer  que pode ser pensada a partir de atividades lúdicas que vão além do universo da doença, a partir de vivências e linguagens que estimulam a humanização dos processos de prevenção, tratamento e cura, e isso se alinha perfeitamente ao que a Azul quer proporcionar a essas pacientes”, explicou a coordenadora de projetos do Instituto Sociocultural do Hospital de Amor, Marcella Marchioreto.

Eliane da Silva e Sirlei David foram as vencedoras da edição 2019 do concurso de cartas.

Premiando histórias inspiradoras
Na última sexta-feira, 18 de outubro, aconteceu a segunda edição da premiação do concurso de cartas “Próximo Destino: a Vitória”, que é realizado numa parceria entre a Azul Viagens e o Instituto Sociocultural do Hospital de Amor. Na cerimônia, duas pacientes – Eliane Rodrigues da Silva e Sirlei Mantovani David – foram contempladas com uma viagem com acompanhante para o Nordeste (podendo optar entre os destinos de Fortaleza/CE e Natal/RN), com tudo pago. Para Sirlei, que vai levar o filho como acompanhante, a conquista foi algo que veio na hora certa. “Eu acho que já estava escrito por Deus, pois, eu sempre sonhei em conhecer uma praia do Nordeste. Meu filho não conhece a praia, e eu sempre quis dar uma viagem para ele”. Eliana já sabe exatamente quem será sua companheira de viagens: a irmã, Erodite. “Ela é mais do que uma irmã. Sempre esteve do meu lado nas lutas, e agora não vai ser diferente”, relatou.

Em seu primeiro ano, o concurso premiou outros duas pacientes que lutaram contra o câncer de mama. Uma dessas mulheres, Luzia Silva, também participou da cerimônia de 2019 e contou sua experiência. O encontro reuniu ainda representantes da Azul, profissionais que atuam no voluntariado da empresa e colaboradores do HA.

Você pode conferir as cartas das duas pacientes ganhadoras deste ano, clicando aqui.

Um voo Azul Rosa
Outra convidada especial abrilhantou ainda mais o evento de celebração dessa parceria de sucesso. A sul-mato-grossense, Zaira Leite, uma das mais de 90 mulheres beneficiadas com o projeto “Conexão Azul Rosa”, trouxe seu relato de esperança, reforçando o impacto dessas ações na vida das pacientes do hospital. “Essa viagem de avião deixou meu tratamento mais leve. É muito difícil lutar contra o câncer e essa, sem dúvida, foi uma aventura que transformou completamente meu tratamento, de uma maneira muito positiva”, declarou.

Uma coleção que salva vidas
Apoiar a causa do “Outubro Rosa” é muito mais fácil com a Azul Collection. A linha de produtos inclui camisetas, chaveiros, copos, bloco de notas, meias e muito mais. Para adquirir os itens solidários, basta clicar no banner abaixo ou acessar o link: www.azulcollection.com.br/outubro-rosa.

 

 

A ação foi realizada por uma tripulação composta por 3 comissárias e um piloto, integrantes do projeto de voluntariado da Azul.

Senhoras e senhores, com destino ao relato de uma tarde muito especial, prendam seus cintos e embarquem nessa aventura com a gente! Em parceria com a Azul Linhas Aéreas, o Instituto Sociocultural do Hospital de Amor realizou uma ação diferente e muito divertida, alegrando os pequenos pacientes da unidade infantojuvenil da instituição. O check-in das atividades ocorreu na tarde desta segunda-feira, 13 de maio, e foi realizado por uma tripulação composta por 3 comissárias e um piloto, integrantes do projeto de voluntariado da Azul.

Diego Cunha é piloto há 8 anos e contou várias de suas histórias de viagem para a criançada.

Assim que todos embarcaram na brinquedoteca da unidade infantojuvenil, a responsável pela oficina de leitura do projeto “Arte para a Vida”, desenvolvida pelo Instituto Sociocultural do Hospital de Amor, Isabel Ribeiro, deu início às atividades. Para a profissional, ações como essa são de fundamental importância para a humanização do tratamento dos pacientes. “Esse tipo de interação ajuda as crianças a desenvolverem mais desinibição, descontração e segurança na comunicação delas, além de aproximá-las ainda mais umas das outras”. Ao som de canções que mencionam de forma criativa temas como viagens e aviação, todos se animaram e entraram a bordo de um dia cheio de imaginação.

Os pacientes e acompanhantes participaram de uma segunda dinâmica, também estimulada pela equipe da Azul, onde se apresentaram de uma maneira inusitada e descontraída à tripulação, compartilhando o destino para onde sonhavam viajar. Para dar mais asas à imaginação, eles puderam utilizar um adereço que arrancou suspiros e muitos cliques: o precioso quepe do comandante. O momento foi muito especial e arrancou vários sorrisos.

A comissária Amanda Almeida em visita aos pacientes do centro infusional.

Roteiro da viagem
De acordo com a comissária e porta-voz da tripulação, Amanda Almeida, a realização da atividade foi pensada a partir de um desejo dos pacientes de saber mais sobre o trabalho dos comissários e dos pilotos. Ela conta que realizar o evento foi algo que trouxe grande alegria a todos. “A nossa equipe está muito feliz de poder conhecer o Hospital de Amor. Estar aqui pessoalmente é ainda mais impactante do que a gente imaginava”, afirmou a voluntária, que ficou muito feliz com a reação das crianças, já que foi a primeira visita do grupo a Barretos (SP).

Comissária há quase 9 anos, Amanda fez questão de falar uma pouco mais sobre as ações da companhia. “A Azul tem um programa de voluntariado que faz parte da área de responsabilidade social da empresa. Ele é dividido por setores. Eu sou a representante do grupo de comissários, então todos nós fazemos parte deste grupo específico. Ficamos sabendo que havia um desejo por parte das crianças de conhecerem pilotos e comissários. Como a Azul já tem esse programa interno de voluntariado e uma grande parceria com o Hospital de Amor, amamos quando fomos convocados para essa missão”, disse.

Quase no fim do percurso, os tripulantes e os pacientes participaram de um momento de pintura de mapas mundi, que contou com a entrega dos famosos e deliciosos aviõezinhos da Azul. Para finalizar a visita, houve uma escala no centro infusional do ambulatório, onde os voluntários puderam conhecer e bater um papo com os pacientes que estavam realizando quimioterapia. Esperamos que tenham apreciado a viagem!

A tripulação e os pacientes ficaram muito contentes com a realização da iniciativa.
Participantes do evento “Amigos pela Vida” junto dos colaboradores do Hospital de Amor.

Apresentando um novo nome e formato, o Hospital de Amor realizou mais um evento de prestação de contas, desta vez, referente ao ano de 2017. O “Amigos pela Vida” aconteceu na última segunda-feira, dia 3 de setembro, e reuniu representantes de empresas parceiras da instituição e de companhias que possuem projetos para futuras colaborações, com o objetivo de fidelizar as entidades e mostrar a transparência no trabalho desenvolvido pelo Hospital.

Realizado no IRCAD América Latina, em Barretos (SP), e diferente dos eventos realizados em anos anteriores, o encontro trouxe uma experiência inesquecível aos participantes! Após as boas-vindas, eles se dividiram em grupos para visitar o Hospital São Judas Tadeu (a unidade de cuidados paliativos e de atenção do idoso do HA), o Hospital de Amor Infantojuvenil e o Instituto de Ensino e Pesquisa. Durante o almoço, eles puderam conhecer os projetos de captação de recursos, discutir as ações e interagir com os profissionais da instituição.

A idealizadora do “Evento Degustar”, Márcia Costa, recebe prêmio da paciente Larissa.

Na emocionante cerimônia, algumas empresas foram premiadas em quatro categorias relacionadas a várias frentes de atuação.

1º prêmio – categoria “Parceria mais longeva e pioneira”: Evento Degustar;
2º prêmio – categoria “Projeto inovador”: Azul Linhas Aéreas;
3º prêmio – categoria “Projeto de grande impacto”: Marfrig;
4º prêmio – categoria “Consultoria de maior destaque”: Abrace Uma Causa.

Para o diretor de responsabilidade social do Hospital de Amor, Henrique Moraes Prata, a intenção de transformar o evento em algo que ultrapassasse os limites do “prestar contas”, é fazer com que os doadores se reconheçam como parte dessa grande obra social, que possuí inúmeros desafios a serem superados todos os dias, e abracem essa causa para ajudar a vencer as dificuldades. “Queríamos que eles olhassem a instituição não apenas como doadores, mas que sentissem na pele que a motivação de todos os profissionais do HA é levar humanização, acolhimento e dignidade ao tratamento dos pacientes”.

De acordo com o presidente do Hospital de Amor, Henrique Prata, a instituição só consegue manter suas portas abertas, oferecendo o melhor, mais moderno e humanizado atendimento aos milhares de pacientes, graças ao grande apoio empresarial. “Nós, do Hospital de Amor, somos iguais a todos os outros grandes centros, porém, diferente deles, nós não temos recursos (apesar de nos igualarmos na renúncia fiscal). E como nós estamos sobrevivendo? Graças à importante contribuição de empresas que amam fazer o bem, assim como o HA. A nossa transparência é o que os motiva a abraçar essa causa”, afirmou.

Ao final de seu discurso, Prata se mostrou orgulhoso com as parcerias e enalteceu a atitude dos participantes. “Nossa intenção com esse evento é que vocês se sintam orgulhosos de ajudar o Hospital de Amor. Invistam no que puderem, pois nós estaremos fazendo a diferença na vida das pessoas, independentemente de qualquer custo. Agradeço, imensamente, e peço a Deus que continue protegendo vocês!”, finalizou.

Ação do projeto “Bibliotecar”, desenvolvido pelo Instituto Sociocultural do HA.

Projetos de incentivos fiscais
O envolvimento de pessoas físicas e jurídicas através das renúncias fiscais incentiva diversos projetos do HA. Conheça alguns deles:
– Projeto de Amparo ao Idoso: centenas de milhares de pacientes com mais de 60 anos foram beneficiados com os recursos dessa lei. O Hospital São Judas Tadeu atende os pacientes que são encaminhados do Centro de Intercorrência, Centro Clínico – Cirúrgico e Médico, Radioterapia, Quimioterapia e Ambulatório do próprio Hospital de Amor. É composto por 50 leitos, exclusivos para cuidados paliativos, onde são atendidos 120 pacientes internados por mês.

– Projeto Cuidar: tem o intuito de arcar com o custeio para o tratamento, prevenção e pesquisa do câncer infantojuvenil. Em 2017, foram atendidos 27.610 pacientes pediátricos, vindos de todos os estados do país.

Há também várias outras iniciativas socioculturais apoiadas nesse contexto, que integram cultura, saúde e ciência, visando proporcionar momentos de entretenimento. São elas: Biblioteca Ambulante, Coral Acordes Vocais, Concerto da Esperança, Espetáculo de dança “A Bela e a Fera”, Espetáculo “O Mundo Encantado de Mila”, Arte para a Vida, Projeto Palhaços da Alegria e Bibliotecar.

Gerente de de comunicação, cultura e responsabilidade social da Azul, Carolina Constantino, durante cerimônia do evento.

Parceria de sucesso
Uma das grandes parceiras do Hospital de Amor é a Azul Linhas Aéreas. Há 2 anos contribuindo com a instituição, a empresa leva prevenção a mulheres da diagnosticadas com câncer de mama através do projeto “Conexão Azul Rosa”.

Entre outubro do ano passado e setembro de 2018, a parceria entre a companhia e o hospital tornou menos cansativo o tratamento de 30 mulheres da região de Petrolina, em Pernambuco, e de Juazeiro, na Bahia. Após o sucesso dessa 1ª etapa, a Azul anunciou uma novidade durante o evento “Amigos pela Vida”: o número de pacientes beneficiadas e de cidades atendidas pelo projeto será ampliado, e a empresa também apoiará a capacitação de técnicas em mamografia, transporte de cargas do hospital e eventuais mutirões de cirurgia.

“É com muita alegria e orgulho que a Azul Linhas Aéreas anuncia, em primeira mão, que a fatigante caminhada ao longo do tratamento do câncer de mama se tornará mais leve, menos dolorosa e mais digna para 60 mulheres diagnosticadas com a doença em Nova Andradina (MS), Campo Grande (MS), Juazeiro (BA), Lagarto (SE), Porto Velho (RO), Macapá (AM) e Ji-Paraná (RO) – cidades que contam com unidades fixas de prevenção do HA. São milhares de novos casos de câncer na mama, e a primeira etapa do Conexão Azul Rosa nos mostrou a força e o impacto de nossa atuação social em Juazeiro e Petrolina. Por isso, decidimos dobrar o número de mulheres e ampliar as cidades atendidas pelas unidades fixas dos Hospital, sinalizando que a causa abraçada no Outubro Rosa é trabalhada ao longo de todo o ano aqui na Azul. Cada vez mais temos percebido o poder que a aviação tem, promovendo mais dignidade àquelas que enfrentam esse momento delicado em suas vidas”, ressaltou a gerente de comunicação, cultura e responsabilidade da Azul, Carolina Constantino.

O evento de prestação de contas é realizado anualmente. Se você é doador do Hospital de Amor, empresário ou tem interesse em saber mais sobre a instituição, basta encaminhar um e-mail para escritoriosp@hcancerbarretos.com.br, ou acesse: www.hospitaldeamor.com.br.


Publicado em 07 de set de 2018   |   Artigos, Destaques, Institucional, Captação de Recursos